Início Parada Urgente Prefeito acata decisão do Conselho e homologa reajuste da tarifa de ônibus

Prefeito acata decisão do Conselho e homologa reajuste da tarifa de ônibus

33
0
COMPARTILHAR

Como compensação, Prefeitura criou tarifa social e reduziu o preço para estudantes, fixando-a a R$ 1

Após alguma relutância e estudos de alternativas que demandaram mais de mês, o prefeito dr Hildon Chaves acatou decisão do Conselho Municipal de Transportes (Comtran) e homologou nesta sexta-feira (30) o reajuste na tarifa do transporte coletivo de R$ 3 para R$ 3,80. Antes porém, o prefeito exigiu alguma compensação financeira como contrapartida ao usuário. Surgiu, então, a criação da tarifa social para estudantes ao preço de R$ 1, o que contribui positivamente para a economia familiar.

Com essa tarifa os pais terão um ganho real, já que, ao invés de ser reajustada para R$ 1,90, foi reduzida dos atuais R$ 1,50 para R$ 1. Um pai de dois filhos, por exemplo, que na tarifa antiga pagava R$ 6 o percurso de ida e volta à escola, agora, com a nova tarifa vai pagar R$ 4. “Tivemos que encontrar meios para não inviabilizar a empresa, mas também não penalizar ainda mais os usuários”, disse o prefeito.

Antes de acatar a decisão do Comtran, o prefeito dr Hildon determinou a avaliação de alternativas ao reajuste. A Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran) sugeriu então a revisão ou suspensão da gratuidade que é concedida a idosos, pessoas com deficiência e seus acompanhantes, o que representa em torno de 32% dos usuários e que, segundo o consórcio, afeta o custo do sistema, gerando desequilíbrio econômico-financeiro. Dr Hildon rechaçou a proposta de mexer na gratuidade por considerar um retrocesso à conquistas sociais.

Deixe um Comentário