Início Cultura Festival de Literatura da Amazônia será em outubro

Festival de Literatura da Amazônia será em outubro

30
0
COMPARTILHAR

De 3 a 6 de outubro, Porto Velho será a capital da literatura regional. Neste período, a cidade sediará a terceira edição do Festival de Literatura da Amazônia (Flama), evento que tem o objetivo de integrar as produções literárias da região ao restante do Brasil, bem como formar uma massa crítica visando o desenvolvimento de uma cultura de leitura e um público de leitores, a partir da inclusão de alunos da rede municipal de ensino.

O festival surgiu em 2012, da iniciativa de diversos professores, dentre eles, o professor doutor Marcos Aurélio Marques, hoje secretário municipal de Educação de Porto Velho. As duas primeiras edições — 2013 e 2014 — aconteceram em parceria com o Serviço Social do Comércio (Sesc) e antecedia a Jornada Literária. Neste ano o evento terá como slogan “A Amazônia está em toda parte”.

Em sua terceira edição, o Flama apresentará como diferencial a inserção dos alunos das escolas municipais da capital, que serão contemplados com oficinas, contações de histórias e atividades artísticas. “Desde já estamos nas escolas, levando arte e poesia como meios de atingir as metas da secretaria: a melhoria na qualidade de ensino e elevação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, o Ideb”, informa a coordenadora do evento, Nábila Pimentel, técnica da Semed.

O festival apresenta um formato itinerante e contempla diversas ações, tais como palestras, oficinas, exibição de filmes, fotografias, participação das escolas de música do município, participação das bibliotecas municipais Francisco Meireles e Viveiro das Letras, performances poéticas, shows musicais, além da presença dos alunos da rede municipal de ensino de Porto Velho.

“É importante salientar que o festival hoje é coordenado pela Divisão de Educação Física e Cultura Escolar, que compõe a Secretaria Municipal de Educação (Semed), e está alinhado aos objetivos do Departamento de Políticas Educacionais que almeja elevar a qualidade da educação dos alunos da rede, por meio da literatura e das artes, em suas variadas manifestações”, explica a coordenadora.

Fonte: Semed

Deixe um Comentário